www.casasbahia.com.br – o site das Casas Bahia

No início as Casas Bahia temiam uma certa perda de identidade. Afinal, o público-alvo da imensa rede de varejo eram as classes C, D e E e pelo menos até o início dos anos 2000 este tipo de consumidor não utilizava a Internet para fazer compras, principalmente por falta de acesso.

Quando o aumento da renda das classes sociais mais baixas também proporcionou esse acesso (muito por responsabilidade da própria Casas Bahia, que ajudou a transformar o computador em sonho de consumo ao alcance deste nicho graças à política de prestações “a perder de vista”), os executivos da rede começaram a se mexer.

Três anos de desenvolvimento deram origem, em Fevereiro de 2009, à criação do e-commerce da Casas Bahia, no endereço www.casasbahia.com.br. A preocupação inicial foi pesquisar o público das lojas físicas em busca dos anseios e medos dos consumidores acostumados em sentir os produtos nas mãos. Para isso foi desenvolvido um sistema de acompanhamento virtual em tempo real, além do auxílio de vídeos postados no You Tube com os garotos-propaganda dando detalhes didáticos sobre alguns produtos.

Foram investidos R$ 3,7 milhões no desenvolvimento do site e o receio inicial transformou-se em uma nova meta a ser atingida. Atualmente o e-commerce da rede Casas Bahia é responsável por 1,5% do faturamento anual (dados de 2009). Em dez anos espera-se um crescimento de 5% na renda líquida e uma participação de 25% no e-commerce brasileiro, peitando o gigantesco conglomerado B2W, joint-venture resultante da fusão dos sites Submarino e Americanas.com.

O site é considerada mais uma loja, por isso toda a logística e sistema de informática das unidades físicas são integradas. Os produtos foram subdivididos em diversos itens: móveis, eletrodomésticos, eletroportáteis, TV e vídeo, utilidades domésticas, áudio, cine e foto, telefonia, informática, bebê, saúde e beleza, lazer e brinquedos. As vendas são concretizadas apenas onde existirem lojas físicas da rede.

Diretor de TI do casasbahia.com.br: Frederico Wanderley;
Hospedagem em mainframe próprio gerido pela IBM;
Segurança: IBM e Clear Sale;
Análise web (web analytics): Aunica;
Monitoramento e hospedagem de campanhas de mídia: Atlas Solutions.

Sobre o site das Casas Bahia

URL: http://www.casasbahia.com.br/ [visitar]
Cores predominantes: branco, azul e vermelho
Cor de fundo: branco
Fonte principal: Arial
Detalhes:

  • Logo centralizado no header
  • Não funciona como casasbahia.com.br, apenas como www.casasbahia.com.br
  • Links de atendimento, cadastro e lojas no topo, com destaque e ícones
  • catgegorias principais em forma de abas no topo, abaixo do logo
  • Identificação de 6 passos para a compra finalizada
  • Banner rotativo gigante abaixo do header
  • Categorias e subcategorias como menu vertical, à esquerda

O site, bem, não é um primor, devemos dizer. Mas isso não quer dizer que não funcione. Na verdade funciona e muito bem.

Uma das coisas que mais me chamou a atenção no site quando lançaram foi a propaganda

  1. Chamar o site de uma “filial” ou “loja” — não me lembro exatamente — das Casas Bahia
  2. Dizer que esta “loja” ficava 24 horas aberta

Veja só o que é conhecer o seu público. Eu não teria pensado nisso e achei tosquíssimo de início, mas, pare pra pensar: para o público das Casas Bahia, dizer que www.casasbahia.com.br é as Casas Bahia abertas 24 horas na sua casa pela internet faz todo sentido. Concorda?

www.casasbahia.com.br - o site das casas bahia

Deixe seu comentário