Submarino: o maior site de e-commerce do Brasil

A história do Submarino começou em 1999 quando seus sócios adquiriram a empresa Booknet, que já existia desde 1995 como a primeira livraria virtual do Brasil. Nessa época a empresa já contava com uma carteira de mais de 50 mil clientes.

Com investimento pesado de capital estrangeiro (cerca de 12 milhões de dólares), o site www.submarino.com.br foi lançado com três categorias iniciais: livros, a maior de todas e a mais importante para o site até hoje; brinquedos e CDs.

O site Submarino foi lançado em 4 países: Brasil, Espanha, Argentina e México e devido ao alto investimento já começou sua vida como o maior site de venda de livros, CDs e brinquedos desses países (na verdade, como o maior site nessas categorias em todos os países de língua portuguesa e espanhola).

Em 2000, no entanto, o Submarino foi obrigado a encerrar suas operações na Espanha, Argentina e México e continuar atuando apenas no Brasil, por conta de mudanças na bolsa de valores de empresas de tecnologia americanas, a Nasdaq.

Mas isso não foi problema para o site. www.submarino.com.br continuou sendo o destino mais provável para qualquer um que pensase, principalmente, em comprar livros pela internet. Com o crescente sucesso, 3 anos depois, em 2003, o site já contava com produtos em 17 categorias diferentes, incluindo eletrônicos, telefones e produtos de informática.

De lá para cá o site continuou crescendo e se consolidou como o maior site de e-commerce do Brasil. Perde em audiência apenas para o Mercado Livre, mas como são tipos de sites completamente diferentes (embora os dois sejam e-commerce na essência) podemos dizer que, quando falamos de sites que tem seus próprios estoques de produtos e logística de entrega, o Submarino é, sim, o maior do ramo no Brasil.

Sobre logística de entrega, o Submarino conta com um sistema altamente sofisticado que cuida desde a escolha da melhor rota até a melhor empresa de entrega para cada tipo de produto para cada local específico, maximizando tanto as margens em cada produto vendido quanto a experiência de entrega para o usuário.

Em 2006 o submarino fundiu-se com outro gigante do e-commerce brasileiro, a Americanas.com, braço online das Lojas americanas, por sua vez gigante do comércio off-line brasileiro.

A fusão resultou na criação da B2W, a maior empresa de e-commerce do Brasil.

Deixe seu comentário