Dreamhost: a melhor hospedagem do mundo

Como você pode ver, eu faço muita propaganda da Dreamhost.

Faço isso por dois motivos: primeiro, porque é o programa de afiliados que eu conheço que paga melhor e segundo, porque o serviço dos caras é realmente excelente. Com certeza vale a recomendação.

Até hoje, já consegui mais ou menos uns 20 assinantes para a Dreamhost. Quase todos eles entraram em contato comigo antes ou depois de assinar. E nenhum reclamando. Aliás, ainda não vi ninguém reclamando dos serviços deles até hoje.

Mas então, você me pergunta: o que o serviço deles tem de tão bom? E eu te respondo:

Em primeiro lugar, recursos. Muitos recursos. O plano mais básico, que custa US$9,95 por mês (US$ 7,95 se você pagar dois anos adiantado), oferece 20GB de espaço e 1TB (isso mesmo TeraBytes) de transferência. Nesse plano você pode hospedar quantos domínios você quiser, ter 3 mil contas de email, 75 usuários de FTP/SSH/Telnet. E ainda ganha um domínio de graça.

Tem suporte a praticamente todas as tecnologias possíveis em um servidor Linux. PHP (5 e 4, você escolhe), Python, Ruby (e Rails), Perl, etc. Bancos de dados MySQL ilimitados. Além de acesso ao seus emails tanto via POP3 quanto IMAP.

Um recurso que, sinceramente, não sei como tem gente que vive sem, e a Dreamhost tem, é o acesso shell, via SSH. Você pode se logar no servidor, configurar crontabs, fazer downloads de coisas grandes direto por lá e passar pra todos os seus domínios de uma vez só, compilar seus próprios programas (uma versão alternativa do PHP por exemplo, o que acha?) e mais um monte de coisas que quem sabe usar um shell sabe.

Ah, e não tem essas frescuras que vemos em hospedagens tupiniquins, de desabilitar recursos “por questões de segurança”. Praticamente todos os módulos do Apache estão habilitados, por exemplo (inclusive o nosso mais que querido mod_rewrite).

Mas, e quanto á segurança, você me pergunta. Mais uma vez eu te respondo: é excelente. Eu nunca tive problemas e não conheço quem tenha tido. Recursos só trazem insegurança se forem mal configurados. E não é esse o caso na Dreamhost.

Ah, Bruno, mas o suporte é uma merda, fala aí…por esse preço. É nada. O suporte deles é extremamente eficiente. Respondem os emails muito rápido e sempre com uma solução. Aliás, o que difere a Dreamhost dos “hospedeiros” brasileiros é que, quando acontece um problema, quando você fala com eles, ou eles já sabiam o que era, ou descobrem na hora.

Na maioria das vezes, na verdade, você não precisa nem entrar em contato com eles. Eles disponibilizam uma página, fora da rede dos servidores, com RSS e tudo mais, que mostra o status da rede. Se tem algum problema, ele aparece lá. É só ir lá ver.

E tem mais ainda. Sabe aquele recurso que você tanto quer e eles não oferecem? Eles podem passar a oferecer. É só você sugerir. Um exemplo disso é o Rails. O pessoal pediu, eles colocaram. Com FastCGI, inclusive. Quer outro exemplo? lightHttpd. Agora tem.

Então, meu amigo, se você precisa hospedar um site, ou dez, ou vinte, não importa, assine a Dreamhost. Vale a pena. Muito. E, claro, assine usando um dos links aqui do meu site, porque eu ganho uma bela comissão. E ainda te dou desconto. Quer saber como?

Seguinte, você vai lá, escolhe o plano que mais te agrada, segue os passos da assinatura normal e, na hora de checar o valor (no passo 5), digite BRUNOTORRES na caixinha de texto intitulada “Optional Promo Code”, clique em “update” e pronto. Na barra lateral aqui do blog tem uma lista dos descontos que eu ofereço.

Quanto eu ganho nessa brincadeira? 97 dólares, menos o valor do desconto que dei pra você. Uma bela grana, concorda? E você ganha uma hospedagem de altíssima qualidade, sem igual por aqui e, suspeito, até mesmo no mundo inteiro, pelo menos em se falando de sites não muito grandes.

Vai lá, assina e faça um blogueiro feliz! E, claro, seja feliz também.